Quarta-feira, 25 de Fevereiro de 2009

Números

Todos sabemos que os portugueses são conhecidos pela sua veia fatalista. Todos sabemos também que ser pessimista, saudosista, gostar de fado, não acreditar em nada que seja nosso, gostar de comprar tudo o que é feito lá fora ainda que seja pior do que os portugueses fazem, são características que nos vêm de muito longe, talvez desde que verificámos que a Índia não nos enriquecia, e que nos estão coladas como parte da nossa pele.
Porém o problema actual não é infelizmente apenas uma característica. O pessimismo e fatalismo actuais que se vêem espelhados na face da maioria dos portugueses estão directamente relacionados com os números com que nos bombardeiam diariamente. 

Esses números falam da quebra do poder de compra e da quebra do consumo daí resultante. Os números falam da diferença entre a média dos salários nacionais e a média europeia. Os números falam do maior custo de vida em Portugal do que a média europeia. Os números falam de muitos milhares de pessoas portuguesas que passam fome. Os números falam da falta de cuidados de saúde e da espera por cuidados que deviam ser imediatos. Os números falam de creches a fechar e nenhuma a abrir. Os números falam de cada vez mais portugueses sem emprego. Os números falam dos lucros desenfreados da banca e das grandes companhias de serviços necessários e seguros. Os números falam do défice descontrolado, apesar do governo nos querer tapar os olhos vendendo o que outros anteriores tinha guardado. Os números falam de corrupção que se estende pela sociedade portuguesa como uma epidemia de tuberculose incurável, misturando política com futebol e negócios imobiliários. Os números falam da compra sempre crescente de carros e iates de luxo, o que é atentatório à dignidade de quem paga impostos. Os números falam-nos em tantas coisas que nos deixam envergonhados quando falamos com estrangeiros.
Há uns tempinhos atrás anos estávamos de “tanga”, mas agora estamos mesmo completamente a nú.
Será que ainda alguém espera que os portugueses tenham vontade de rir? Não se deixem iludir pelas imagens transmitidas nos dias de Carnaval. Vejam antes as imagens dos restantes 362 dias do ano...

publicado por daplanicie às 12:46

link do post | comentar | favorito
|
5 comentários:
De A-lupa-de-alguem a 25 de Fevereiro de 2009 às 19:04
Acabaste de fazer o retrato do português ( e de Portugal ) no momento. É triste mas é tudo verdade . E não são três dias de carnaval que apagam a dura realidade, estes dias apenas "mascaram" essa mesma realidade. Há dias uma colega minha dizia " se ao menos nós tivéssemos um Obama em Portugal nas próximas eleições ... Enfim ainda nos resta alguma esperança. Beijinhos
De inoutyou a 25 de Fevereiro de 2009 às 19:22

Olá Luz, faz tempo que não comento por aqui..

Realmente os números não são nada cor de rosa...Alguém se esqueceu de tirar o sinal menos, e isso faz com que o nosso povo só tenha números negativos....Triste sina a nossa.

Beijinhos
Alex
De blogando-me1 a 25 de Fevereiro de 2009 às 21:26
já falei sobre isso no meu blog. Mas é a realidade do país em que vivemos e cada vez vamos a pior.

Bjs fofos
De Ricardo Cataluna a 26 de Fevereiro de 2009 às 00:54
Estamos pior e cada vez menos se parecem importar com isso... que tristeza...
De Em Fá Sustenido a 26 de Fevereiro de 2009 às 01:34
Até no dia de carnaval. É ir a qualquer desfile e ver o quanto se paga para uma suposta celebridade desfilar por uma qualquer escola de carnaval, quando essas celebridades não fazem mais do que aparecer.
Sem dúvida que somos pautados por essas características, mas com a nossa história e com o rumo que tudo está a tomar, será complicado mudar.
Esperemos que em breve, a história seja outra.
Beijinho*

Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Janeiro 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Emocionalmente Saudável

. Ano Novo, Vida Velha

. Esperar

. Aos meus amigos

. O valioso tempo dos madur...

. Filhos

. Sinto-me...

. Hoje

. Tirar o "S" da CRISE

. Chuva...chuva...chuva

.arquivos

. Janeiro 2014

. Julho 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

.tags

. todas as tags

.links

.on-line

website stats

.Contador

blogs SAPO

.subscrever feeds