Quinta-feira, 26 de Fevereiro de 2009

Medo

Muitas vezes tenho uma sensação estranha, como que um pressentimento, de que alguma coisa irá correr mal brevemente. É um medo que se entranha em mim e ao qual tenho dificuldade em fugir, embora me esforce sempre por não o mostrar e o tente superar rapidamente. Ás vezes, talvez para me consolar a mim própria, penso que o medo é irmão da esperança. Isto que eu acabei de dizer, talvez pareça um absurdo. Será?!...

O pensamento, às vezes, é um vento que sopra desordenado, sem nexo nem lógica e nós compreendemos que, aquilo que acabámos de pensar não tem lógica. Mas, para compreendermos o que pensámos, é necessários organizar o pensamento logicamente, analisando o que pensámos. O medo assusta-nos, por vezes tolhe-nos os movimentos, prende-nos ao chão, retira-nos as forças, bloqueia-nos os movimentos, retira-nos as capacidades. Outras vezes dá-nos forças que desconhecíamos, impulsiona-nos, empurra-nos, imprime-nos velocidades, aclara-nos os pensamentos. Catapulta-nos.

A esperança, essa não tem nada de negativo. Sendo que negativo aqui é considerado aquilo que nos tolhe. A esperança é sempre alegre. A esperança canta e dança na nossa cabeça, pula e brinca na nossa frente, chama-nos, abre-nos caminhos, constrói-nos castelos, cria-nos ilusões, dá-nos novas forças, traça-nos projectos.

Então, o que eu penso não faz sentido!... Mas eu penso-o . Se não faz sentido porque é que eu o penso?

Quando é que sentimos medo? Quando ainda temos esperança. Medo e esperança convivem no mesmo espaço e no mesmo tempo pessoal. Temos medo quando temos alguma coisa a perder: O Amor; os que amamos, a saúde , a segurança, o emprego, os bens; a Vida. Algo que queremos conservar. O medo é, assim, o sentimento da perda possível. É a posse ou a perspectiva da perda dessa posse que nos provoca medo. Quem não tem nada a perder não tem medo. Mesmo os condenados à morte continuam a ter medo enquanto têm vida. Por isso se diz “ enquanto há vida há esperança”
Teremos de perder o medo?... Não!
Só há medo enquanto há esperança. Por isso, ultrapassemos o medo e agarremos a esperança.

publicado por daplanicie às 08:52

link do post | comentar | favorito
|
6 comentários:
De cuidandodemim a 26 de Fevereiro de 2009 às 15:33
Eu quando sinto medo de alguma coisa, esse pressentimento estranho de que algo mau vai acontecer, sinto ao mesmo tempo esperança que esse medo seja só fruto da minha imaginação e que tudo vai correr bem...
Bjns
De daplanicie a 27 de Fevereiro de 2009 às 12:03
Exactamente o que eu sinto :-)
Beijinhos e obrigadapela visita
De guiga a 26 de Fevereiro de 2009 às 17:01
Nada de pensamentos negativos. Xô más vibrações!!!!
Esquece esses maus pressentimentos!
sorri! :D
beijocas *.*
De daplanicie a 27 de Fevereiro de 2009 às 12:04
Ás vezes consigo fazer isso. Outras, é mais forte do que eu... Felizmente, acontece pouco.
Beijinhos e bom fim de semana
De TiBéu ( Isa) a 26 de Fevereiro de 2009 às 22:18
"Só há medo enquanto há esperança. Por isso, ultrapassemos o medo e agarremos a esperança." Gostei desta frase

!cid_3D5.gif
isto quer dizer: Gosto de vir aqui e deixo um bj
De * * Grilinha * * a 27 de Fevereiro de 2009 às 03:01
Soube-me bem ler este teu texto.

Tenho muitos medos e muitos receios.

Felizmente a maioria delesnão se concretizam mas eu penso neles.

Muitas vezes me pergunto:
- porque é que eu penso negativamente neste assunto?
Depois fico aliviada quando tudo acab bem.

Beijinhos

Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Janeiro 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Emocionalmente Saudável

. Ano Novo, Vida Velha

. Esperar

. Aos meus amigos

. O valioso tempo dos madur...

. Filhos

. Sinto-me...

. Hoje

. Tirar o "S" da CRISE

. Chuva...chuva...chuva

.arquivos

. Janeiro 2014

. Julho 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

.tags

. todas as tags

.links

.on-line

website stats

.Contador

blogs SAPO

.subscrever feeds