Terça-feira, 30 de Setembro de 2008

Fugir...

O que me apetecia neste momento era sair daqui, fugir, vaguear pelo mundo, falar com outras gentes, deixar para trás os melodramáticos, os melindres, a burrice estampada no rosto de alguns, a hipocrisia instalada … fugir deste espaço que me asfixia mais e mais…quando é que …?!
 


tags:
publicado por daplanicie às 08:30

link do post | comentar | ver comentários (18) | favorito
|
Segunda-feira, 29 de Setembro de 2008

Absoluto

"Que sentido tem o Absoluto?
Onde está o absoluto das palavras? Onde está o absoluto das situações? E o absoluto das verdades? O absoluto das mentiras?
Em todos nós medeia o absoluto abismo dos absolutos.
Como conviver com absolutos, se a vida é tão curta de verdades tão passageiras, plenas de situações tão mutáveis e mesmo pessoas tão efémeras?!
Mil anos passarão, mil vidas, mil mortes, mil tudos separarão o conhecimento do absoluto do sentimento de absoluto.
Entre absolutos buscados, justificados, relativismos vividos, nada mais nada menos que a vida, a vida absoluta, absolutamente vivida em busca do sentido absoluto da verdadeira Vida."
Cansaço …
 


publicado por daplanicie às 08:24

link do post | comentar | ver comentários (8) | favorito
|
Sexta-feira, 26 de Setembro de 2008

VIDA

Digam-me que a vida não é só isto … não é só SER, não é só nascer, viver, lutar para comer, aprender para crescer, e por fim … morrer. Digam-me que não!
Digam-me que existe mais, para além do além, vida depois da vida. Digam-me que existe uma razão para existir …
Será que consenti, ser entregue a este mundo, sem conhecer as regras que regem estas regras?!
E o objectivo final: O Prémio!!
Digam-me que existe prémio depois de tudo finito, digam-me que existem aplausos e sorrisos; Digam-me que irei acordar onde adormeci e penso… foi tudo um sonho;
Não deixem que ao acabar, eu acorde a dormir; Não deixem de descobrir, que mesmo depois de eu acabar voltei ao início onde tinha começado.
E o prémio …
Nem sei sequer se ganhei, se fui desclassificada, ou chamada para começar de novo …
Quem foi o doido que me inscreveu neste jogo?
publicado por daplanicie às 08:13

link do post | comentar | ver comentários (10) | favorito
|
Quinta-feira, 25 de Setembro de 2008

Momento da verdade

Não há novidade nenhuma no facto de haver pessoas que são capazes de quase tudo por uns euros. Sempre houve e sempre há-de haver. O que realmente me surpreende é que sejam tantas e que, ainda por cima, estejam dispostos a fazê-lo na televisão, para milhões de pessoas verem.

Neste caso concreto, refiro-me ao polémico concurso "Momento da verdade", da SIC, apresentado por Teresa Guilherme, já muito conhecida pela sua ligação a outros programas que muita tinta fizeram correr como foi o caso de Big Brother.

Faz-me grande confusão ver que há tantas pessoas (dizem que têm concorrido aos milhares...) que, por uma miragem monetária, se dispõem a despir a alma, a expor-se a si e aos seus em tudo o que temos de mais privado apenas no intuito de ganhar alguns tostões.

É verdade que 250 mil euros é muito dinheiro mas também é verdade que poucos ou nenhuns os conseguirão alcançar tal o tipo de questões que chegam a ser de resposta dúbia.

Vi o primeiro e o segundo. Já vi deste concurso tudo o que tinha para ver. Entristece-me que haja pessoas que necessitam tanto de dinheiro que se dispõem a entregar a alma ao diabo em troca, mesmo arriscando perder o que têm de melhor na vida. E repugna-me que um canal de televisão exponha desta forma as pessoas mais necessitadas apenas para ter mais audiência.

 

publicado por daplanicie às 13:04

link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito
|
Quarta-feira, 24 de Setembro de 2008

Faltar?!!

 

 

 

 

 

tags:
publicado por daplanicie às 13:22

link do post | comentar | ver comentários (7) | favorito
|
Sexta-feira, 19 de Setembro de 2008

A OCDE DESMENTE O MINISTÉRIO

O que o Ministério sabe mas esconde cobardemente, de forma a virar os
portugueses menos esclarecidos contra os que trabalham dia a dia para
dar um futuro melhor aos filhos dos outros.

'Os PROFESSORES em Portugal não são assim tão maus...'

Consulte a última versão (2006) do Education at a Glance, publicado
pela OCDE, em http://www.oecd.org/dataoecd/44/35/37376068.pdf.
Se for à página 58, verá desmontada a convicção generalizada de que os
professores portugueses passam pouco tempo na escola e que no
estrangeiro não é assim.
É apresentado, no estudo, o tempo de permanência na escola, onde os
professores portugueses estão em 14º lugar (em 28 países), com tempos
de permanência superiores aos japoneses, húngaros, coreanos,
espanhóis, gregos, italianos, finlandeses, austríacos, franceses,
dinamarqueses, luxamburgueses, checos, islandeses e noruegueses!

No mesmo documento de 2006 poderá verificar, na página 56, que os
professores portugueses estão em 21º lugar (em 31 países) quanto a
salários!
Na página 32 poderá verificar que, quanto a investimento na educação
em relação ao PIB, estamos num modesto 19º lugar (em 31 países) e que
estamos em 23º lugar (em 31 países) quanto ao investimento por aluno.
E isto, o M.E. não manda publicar...
Não tem problema. Já estamos habituados a fazer todos os serviços.
 

 

P.S. - Recebido por mail.

publicado por daplanicie às 12:56

link do post | comentar | ver comentários (12) | favorito
|
Terça-feira, 16 de Setembro de 2008

Mais uma...

Estado despede professora durante licença de maternidade


"No momento em que o primeiro-ministro José Sócrates anunciava novos incentivos à maternidade, o Ministério das Finanças divulgava uma circular que limita o direito das mulheres a renovar contratos a prazo durante o período de gozo da licença de maternidade, denuncia o Jornal de Notícias esta sexta-feira.

A circular do Governo contraria o incentivo à maternidade, pelo menos, num caso em que o contrato de trabalho de uma funcionária foi recusado em período de licença de parto.

O jornal conta a história de uma professora contratada há oito anos, tantos quantos adiou o sonho de ser mãe. Julgando-se protegida pelas novas medidas do Governo, decidiu engravidar. O filho tem agora dois meses; ela usufrui, actualmente, do segundo dos cinco meses de licença de maternidade a que tem direito. Mas a situação, afinal, é incompatível. Resultado: perdeu o lugar na escola onde havia sido colocada.

«Se quisesse trabalhar, teria de renunciar à licença de maternidade. Para ficar com o meu filho, fiquei sem a colocação», explica numa carta que endereçou ao grupo parlamentar do CDS-PP."

 

 

E agora alguém que me diga que isto é uma coisa normal num estado democrático que garanta os direitos dos seus cidadãos!!

 

 

 

 

publicado por daplanicie às 08:33

link do post | comentar | ver comentários (6) | favorito
|
Segunda-feira, 15 de Setembro de 2008

Imaginação não falta

A alegria que se sente num reencontro é sempre muito especial. Mais especial ainda quando se trata de reencontrarmos pessoas, neste caso crianças, com quem vamos passar a maior parte do tempo durante os próximos meses.

Este ano, para além dos meus alunos do ano passado que transitaram para o 4º ano, recebi também os meninos que vêm para o 1º. Há, neste caso, todo um processo de descoberta mútua que levará à afirmação inequívoca dos laços de amizade e carinho que nos unirão ao longo do ano e mais além.

Nestes 2 ou 3 dias de convívio já deu para perceber que é um grupinho interessante, com uns meninos muito interessadas e briosos que rapidamente terminam as suas tarefas, outros mais lentas mas não menos empenhados e, como em todas as turmas, há também o chamado "palhacinho". Ele próprio se intitula de palhaceiro e está sempre disposto a fazer observações nem sempre oportunas, que causam a gargalhada geral, com que se delicia pois é mesmo esse o seu objectivo.

Para além disso é também uma criança com uma enorme imaginação, que se pode reconhecer no seguinte diálogo ocorrido na sexta-feira.

- Professora, quero pedir-lhe muita desculpa!

- Porquê, L.?

- Porque hoje tive mesmo que trazer o meu animal de estimação para a escola.

- Ai sim? (Aqui já eu estava com receio que fosse alguma aranha ou gafanhoto, o que me levaria a sair disparada pela porta fora...) E onde está ele?

- Ficou lá fora em cima da árvore.

-Ah, é um passarinho?

- Não...é uma chita. E se calhar, p'ra semana, trago o meu elefante. O pior é que acho que ele não cabe no portão.

Foi a risota geral, comigo a fazer um esforço para não me rir enquanto lhe respondia:

- Se não couber no portão da frente, abrimos o detrás, não te preocupes.

E ainda dizem que os jogos de playstation e PC matam a imaginação...

tags:
publicado por daplanicie às 12:16

link do post | comentar | ver comentários (16) | favorito
|
Terça-feira, 9 de Setembro de 2008

Homem baleado em esquadra

Se alguma dúvida ainda restasse a alguém de que este país caminha a passos largos para o abismo de se tornar outro Brasil no que se refere à violência, penso que a notícia de hoje de que um homem foi baleado por outro, dentro de uma esquadra de polícia, vem desfazer quaisquer vestígios de ilusão mesmo nos mais optimistas.

Mesmo quem tem por hábito ver o copo meio cheio, há-de convir que, quando se chega a este ponto de desfaçatez em que nem um local onde está situada a autoridade (outrora tão respeitada...) é impeditivo de se levar a cabo objectivos de vingança, se está muito perto da anarquia total em que teremos que providenciar patrulhas do cidadão e uma polícia especial, tipo BOPE.

Desde que assistimos ao assalto a uma dependência bancária, envolvendo reféns e ataque policial em directo, como se de uma telenovela se tratasse, que foi o descalabro total e temos assistido a um pouco de tudo...o que é mau: assaltos a postos de abastecimento de combustíveis, a supermercados, a automobilistas - nomeadamente com o aumento do fenómeno do carjaking - e roubos a ourivesarias. Juntam-se as revoltas em bairros, a guerra de gangues e a violência em estabelecimentos de diversão nocturna e temos o caldo entornado. Foi assim o mês de Agosto de 2008 que vai ficar marcado como um dos mais violentos dos últimos anos em Portugal.

Na minha humilde opinião, já só com medidas severas e punições exemplares para os criminosos é que talvez se consiga pôr um pouco de ordem neste país que já foi um paraíso de tranquilidade. E quando afirmo isto, refiro-me a prisões de alta segurança onde os detidos culpados de crimes graves fossem obrigadas a trabalhos forçados durante períodos bastante longos. Mas para isto é necessária uma revisão do código penal, que neste momento apenas beneficia os ladrões e assassinos, e também a construção de mais estabelecimentos prisionais.

Só com penas pesadas, cumpridas integralmente e com rigor, se conseguirá travar esta onda de violência que parece assolar todo o país.

publicado por daplanicie às 14:55

link do post | comentar | ver comentários (11) | favorito
|
Quinta-feira, 4 de Setembro de 2008

Recomeço

Julgo que é geral esta dificuldade sentida em voltar à rotina diária do casa-trabalho-casa e, como é natural, sinto-a todos os anos. Mas já não me recordo de um ano em que me custasse tanto este regresso às exigências cada vez maiores e à imposição actual de factos consumados de tudo o que, antigamente, nos cabia a nós que estamos directamente com os alunos, decidir.

A quantidade de burocracia apavora-me porque aquilo que realmente sempre gostei de fazer e que me levou a escolher esta profissão, é trabalhar com as crianças fazendo o melhor que posso e sei para que cresçam felizes e se tornem adultos responsáveis e honestos.

Como é óbvio, o tempo que antes era dirigido para o trabalho directo, para a descoberta de novos métodos cada vez mais atractivos, para as actividades diversificadas que tentávamos sempre desenvolver, é agora espartilhado por uma quantidade enorme de relatórios, portefólios, grelhas, mapas... o que faz com que a motivação seja cada vez menor.

Será que alguém pensa que, ao exigir "papelada" em duplicado e triplicado, está a fazer com que nos tornemos melhores professores? Pois se isso acontece, digo-lhe já que está redondamente enganado...

publicado por daplanicie às 17:04

link do post | comentar | ver comentários (13) | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Janeiro 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Emocionalmente Saudável

. Ano Novo, Vida Velha

. Esperar

. Aos meus amigos

. O valioso tempo dos madur...

. Filhos

. Sinto-me...

. Hoje

. Tirar o "S" da CRISE

. Chuva...chuva...chuva

.arquivos

. Janeiro 2014

. Julho 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

.tags

. todas as tags

.links

.on-line

website stats

.Contador

blogs SAPO

.subscrever feeds