Sexta-feira, 29 de Junho de 2007

A febre dos telemóveis

Acho impressionante a dependência de toda a gente em relação aos telemóveis, principalmente dos jovens. A qualquer lado que se vá só se vêem pessoas de maquineta na mão, a falar, a mandar sms , a dar toques, etc. O telemóvel tornou-se mesmo um elemento indispensável na sociedade actual. Se por acaso nos esquecemos do telemóvel em casa quando saímos, sentimos logo a sua falta e parece que ficamos com a sensação de que estamos incontactáveis e isolados do mundo.

É uma autêntica dependência e esta, como qualquer outra dependência não pode ser saudável.

As frases "dou-te um toque quando sair", "manda-me uma mensagem", "liga-me assim que chegares" fazem parte do quotidiano de um país que tem mais telemóveis do que habitantes. É incrível mas crianças de 6/7 anos têm telemóveis todos XPTO e topo de gama aos quais só falta tirar cafés e passear o cão.

Ter uma boa "máquina" tornou-se uma nova forma de exibir status e os homens, que ligam muito mais a esses pormenores do que as mulheres (claro, temos mais em que pensar, pelo amor de Deus!), é vê-los a comparar as potencialidades do "bichinho" a quem chegam a baptizar de nomes carinhosos.

Claro que não é tudo mau quando se fala de tecnologia. De bom, tem o facto de estarmos sempre em contacto com toda a gente. De mau tem o facto de estarmos SEMPRE em contacto com toda a gente. Mesmo com pessoas que não nos apetecia nada no momento. E depois, se não atendemos imediatamente é ouvir logo o tom queixoso: "Liguei-te 7 vezes e nunca me atendeste. O que se passa?". Será assim tão difícil de adivinhar?? Se não atendemos, das duas uma: ou não temos o tlm connosco e estar a ligar vezes e vezes de seguida não vai adiantar de nada ou então não nos apetece mesmo atender e não adianta insistir...a não ser que nos vençam pelo cansaço!!

publicado por daplanicie às 17:05

link do post | comentar | favorito
|
4 comentários:
De Pat a 29 de Junho de 2007 às 17:51
Por isso é que eu já habituei as pessoas mais próximas...atendo e digo:" Agora não me apetece falar!" E tenham paciência!De resto há muita coisa que se perdeu com os telemóveis.Já não se sai do carro para ir tocar á campainha de quem se vai buscar, já não temos que nos desenrascar em várias situações...pegamos no tlmvl e chamamos alguém que o faça por nós!E os miúdos mais novos nunca saberão o q é andar perdido no meio de uma multidão á procura do amigo x ou y.Enfim...há coisas boas e más como em tudo na vida.Mas não posso deixar de confessar que sou dependente do meu.As irritações de meia noite que apanho com o meu qd fica sem bateria, ou sem saldo, ou sem rede!É o caso.Há 3 dias que não tenho rede em casa e hoje vi-me forçada a discutir com um parvalhão do callcenter que a única coisa que me disse depois de me terem deixado á espera 15 minutos foi "A situação já foi reportada!" Mas que idiota!Ok,peço desculpa...só de falar nisto me irrito...deve ser de pensar que daqui a pouco vou para a minha casa sem rede ficar incontactável e sem possibilidades de fazer o telefonema da noite para o mais-que-tudo!Talvez vá até á cabine telefónica, só para romper com esta dependência e mandar os anormais dos callcenters á fava!
De Estupefacta a 29 de Junho de 2007 às 23:07
Olá Luz Rosa
Quão verdade é esta realidade.
Confesso que também me tornei «dependente» desse bichinho, ao ponto de voltar a casa se me esqueço dele.
Em casa desligo-o ou ponho-o no silêncio. Há alturas em que não suporto ouvir os toques e as melodias e, como as há para todos os gostos e feitios, não tenho paciência.
Um beijinho grande
De Nettwerk van Helsing a 2 de Julho de 2007 às 02:07
Para verem o meu grau de "adicção" ao dito telelé, eu tenho uma marca nas calças de ganga de tanto ter o telemóvel no bolso (o que nem pode querer dizer nada, apenas e só que as minhas calças me estão apertadas...) mas confesso que ainda não cheguei ao ponto de dar nomes aos ditos. Mas... tenho dois, agora (se bem que apenas um é que está ligado, o outro tenho-o apenas para souvenir - e porque é uma óptima lanterna), e... confesso que estava com vontade de comprar mais um. Com GPS. Não é que me perca muito, mas... erm, sou viciado em gadgets. Não haverá uma espécie de AA para isto?

Cumprimentos.
De daplanicie a 2 de Julho de 2007 às 08:04
LOL Acho que estão a pensar formar praí uma associação desse género porque a coisa está mesmo a ficar complicada!!

Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Janeiro 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Emocionalmente Saudável

. Ano Novo, Vida Velha

. Esperar

. Aos meus amigos

. O valioso tempo dos madur...

. Filhos

. Sinto-me...

. Hoje

. Tirar o "S" da CRISE

. Chuva...chuva...chuva

.arquivos

. Janeiro 2014

. Julho 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

.tags

. todas as tags

.links

.on-line

website stats

.Contador

blogs SAPO

.subscrever feeds