Terça-feira, 18 de Março de 2008

Tokio Hotel

O grupo Tokio Hotel, que deveria ter actuado no Domingo no Pavilhão Atlântico, acabou por cancelar o concerto devido a uma laringite que tirou a voz ao vocalista da banda, um tal de Bill Kaulitz . Isto foi anunciado aos quase dezassete milhares de jovens que aguardavam há muito tempo (alguns tinham acampado à porta do recinto há dois dias...) pelo início do espectáculo. Quando o facto foi comunicado aos fãs, foi a histeria colectiva! Houve choro convulsivo e houve quem chegasse a desmaiar. Ao ler as notícias fez-me lembrar o que acontecia quando os Beatles estavam no seu auge de popularidade e era possível ver raparigas que se arranhavam e descabelavam, histéricas, apenas com um simples vislumbre dos seus ídolos.

Confesso que me é difícil entender. Há fenómenos que não se explicam, simplesmente têm que se aceitar. Nunca em toda a minha vida senti esse tipo de admiração/obsessão por nenhum tipo de artista, fosse ele cantor ou actor. Nem mesmo quando atravessava a fase difícil da adolescência.

Mas porque esta Tokiomania ? Se os olharmos com olhos de adultos, os Tokio Hotel assemelham-se a uma caricatura de boys band formatada para fazer sucesso entre as raparigas. Neste hotel para jovens corações, cada menina pode encontrar o seu ideal masculino. O cantor Bill Kaulitz , 18 anos, é o rapaz frágil e sensível da banda. Andrógino até à ponta das unhas pintadas, Bill pinta os seus olhos, põe imensa laca para fixar a sua crina felina e sorri com uma dentição branca. O seu gémeo Tom, o guitarrista, hesita entre o reggae e o hip hop . De uma só vez, ele ornamenta-se de dreadlocks com um boné de rapper US . Tão magricela como o seu irmão Bill , ele é um rapaz cool por excelência. Mais atrás, o baixista Georg Listing e o baterista Gustav Schäfer, 19 e 20 anos, vestem t-shirts de metal e peitorais salientes....uma mistura explosiva, pelos vistos, e a receita certa para o sucesso.

No entanto, parece-me que a força de Tokio Hotel está noutro sítio; na sua capacidade de falar com os jovens. Com os seus pais divorciados e a sua família recomposta, Bill canta a dificuldade de ser um adolescente num mundo que não é sempre cor-de-rosa. “A nossa música é um jornal íntimo”, diz ele. E esse jornal íntimo cheio de angústias e bons sentimentos, os 12-15 anos vêem-se neles. Estando mais à vontade hoje, os adolescentes têm o seu telemóvel, navegam na Internet e pagam o bilhete de concerto com o dinheiro deles. Tokio Hotel é o tipo do "rock fofinho" que oferecem a si próprios, longe dos olhos (e dos ouvidos) dos pais.
Esperemos que no dia 29 de Junho, dia anunciado para a realização do concerto adiado, os jovens fãs sejam recompensados por tão longa espera.

publicado por daplanicie às 09:02

link do post | comentar | favorito
|
7 comentários:
De Flá a 18 de Março de 2008 às 11:29
Gostei da nominação: "rock fofinho"




beijo
De daplanicie a 20 de Março de 2008 às 10:01
Obrigada.
Beijinhos
De guiga a 18 de Março de 2008 às 17:37
Pois, nunca fui de fanatismos essas coisas fazem-me imensa confusão!
Beijinhos *.*
De daplanicie a 20 de Março de 2008 às 10:02
São coisas inexplicáveis, um tipo de histeria de massas. Ou então é sinal que já estou velhota! :-)
Beijinhos
De Migas a 18 de Março de 2008 às 23:30
Eu senti-me veeelha quando vi nas notícias as tais criancinhas a descabelarem-se. Eu explico: eu não sabia que existia um grupo chamado Tokyo Hotel e muito menos que actuavam no Atlântico.
Como tal não posso comentar o "rock fofinho" ().
Mas tal como tu nunca me deu para me descabelar por nenhum artista e sinceramente, não percebo muito bem os motivos que levam alguem, tenha a idade que tiver, a condicionar a vida para andar a correr atrás de um artista. Ou de um clube. Ou do que quer que seja!
Beijos
De daplanicie a 20 de Março de 2008 às 10:04
É verdade e isto não é um fenómeno apenas de jovenzinhas. Já vi muita mulher adulta esgatanhar-se por exemplo pelo Toni Carreira. Fico
Beijinho
De Nettwerk van Helsing a 24 de Março de 2008 às 01:05
Chamem-me sádico, mas eu sorri quando soube que o espectáculo tinha sido cancelado. Se calhar é a minha veia ruim a falar... Acho perfeitamente abstruso que haja gaiatas a acamparem dias (!) à porta dum pavilhão porque um grupo de quatro putos alemães vão lá actuar.

Cumprimentos.

Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Janeiro 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Emocionalmente Saudável

. Ano Novo, Vida Velha

. Esperar

. Aos meus amigos

. O valioso tempo dos madur...

. Filhos

. Sinto-me...

. Hoje

. Tirar o "S" da CRISE

. Chuva...chuva...chuva

.arquivos

. Janeiro 2014

. Julho 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

.tags

. todas as tags

.links

.on-line

website stats

.Contador

blogs SAPO

.subscrever feeds