Sexta-feira, 28 de Março de 2008

Amor, love, amour

Não sei explicar o porquê mas, para muitas pessoas, a palavra "amo-te" é difícil de pronunciar. Parece que está em desuso, fora de moda, desactualizada ou temem parecer lamechas/pirosas.

Parece que já não vivemos na época do amor, passamos pela era do adoro-te, do gosto-te, do quero-te. Amor tornou-se cliché. Escreve-se sobre o amor com muito mais frequência, mas confundem-no com paixão.

Oh, saudades dos lenços de namorados, das cartas de amor da época em que não havia sms ou mails  e, no entretanto, tudo se perdeu. Dizer hoje que te amo é invocar uma marca comercial com direitos de autor e o amor tornou-se banal. Dizem que «amo-te» não lhes soa bem, que o português não tem música, que não ressoam sininhos.

Proliferam «I love you » e «Je t’aime » sob o mote da caça à musicalidade do amor. E a Língua Portuguesa tem afinal tanto som, tanto paleio, cujo «amo-te» torna-se belamente pronunciado, requerendo movimentos de lábios fortemente entrincheirados e ouve-se então a intensidade do amor, palavra saboreada em português. O amor não precisa que inventem novas palavras, novos pseudónimos, nem que soe a notas musicais. O amor está cansado de ser a emoção cliché. Amar precisa de ser invocado, de ser sentido, de ser entoado com a alma e soar a um «amo-te» tão querido, tão intenso, tão português.

tags:
publicado por daplanicie às 10:47

link do post | comentar | favorito
|
8 comentários:
De TiBéu ( Isa) a 28 de Março de 2008 às 12:21
Eu adoro dizer amo-te, mas ainda gosto mais de ouvir. Mas penso por haver essa dificuldade, que os jovens nãp levam nada a serio( não há regra sem excesão) Mas ouvir amo-te diz muito e fica no coração. Quando dito com o verdadeiro sentido da palavra. b e bom fim de semana
De daplanicie a 31 de Março de 2008 às 17:46
O pior é ouvir certas pessoas dizê-lo como quem diz "vou ali já venho" :-)
Beijinho
De Avidaparaalémdeti a 28 de Março de 2008 às 13:22
Ola,
Quando amamos, o facto de dizer " eu amo-te " para mim e tão natural. Todas as vezes que eu disse ao meu ex marido " eu amo-te " era o meu coração a falar.Porque era sincero. Por outro lado, meu ex marido jamais o dizia e hoje eu sei pk! Não me amava!
Não acho lamechas, acho que é uma das palavras mais lindas do mundo.
Obrigada por ter passado no meu blog...ja adicionei o seu e achei bastante interessante.
Um beijnho e tudo de bom!
De daplanicie a 31 de Março de 2008 às 18:56
Bem, vendo as coisas por um lado positivo, pelo menos não pronunciou a palavra sem a sentir. Também concordo em que é uma palavra capaz de mover o mundo!
Beijinho e obrigada pela visita
De Pérola a 28 de Março de 2008 às 17:54
Adorei este texto! Também já escrevi um sobre este tema, mas a dizer que achava que a palavra Amo-te está a ser utilizada de uma forma banal . Num canal da televisão passou um programa sobre o amor (?) onde os casais diziam amo-te a toda hora. Era amo-te em t-shirts, nas paredes, enfim, em todo o lado, e a mim parecia-me que não havia sentimento a dizê-la. Mais parecia uma palavra rotineira... Acho que o problema é que muitas pessoas, principalmente esta geração mais jovem, não sabem o que é o amor, o verdadeiro amor, e confudem-nos com as paixonetas típicas da idade. Não sabem o quão importante e forte a palavra Amo-te é (e deveria ser).
Beijinhos e bom fim-de-semana!
De daplanicie a 31 de Março de 2008 às 19:02
Usam a palavra "AMO-TE" como quem usa um "bom dia" ou um "até logo" sem se deterem a pensar no seu verdadeiro significado. É triste mas real.
Beijinhos
De Caty a 28 de Março de 2008 às 18:22
Olá amiga...
Adorei o post... Acho que não é dificil quando é sentido e verdadeiro!
Eu adoro dizer Amo-te, e é claro de o ouvir...
É raro o dia que não o diga... Tenho sempre a chamazinha acessa!
É uma palavra que por vezes como tu mesma dizes é utilizada como cliché, mas é tão importante numa relação...
beijinhos e bom fim-de-semana!
De daplanicie a 31 de Março de 2008 às 19:03
E manter a chama acesa é meio caminho andado para ser feliz! :-)
Beijinhos

Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Janeiro 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Emocionalmente Saudável

. Ano Novo, Vida Velha

. Esperar

. Aos meus amigos

. O valioso tempo dos madur...

. Filhos

. Sinto-me...

. Hoje

. Tirar o "S" da CRISE

. Chuva...chuva...chuva

.arquivos

. Janeiro 2014

. Julho 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

.tags

. todas as tags

.links

.on-line

website stats

.Contador

blogs SAPO

.subscrever feeds