Terça-feira, 8 de Abril de 2008

Parece que...

O hábito de ouvir e passar a outros um boato faz parte da natureza humana e é transformado por muita gente  numa autêntica forma de vida. A mais antiga modalidade de comunicação social continua a fazer parte da vida de todos. É sempre tudo muito parecido: uma história, que ninguém sabe exactamente de onde surgiu, passa de boca em boca e, em questão de horas, se tanto, com os devidos "acrescentos e enfeites", torna-se verdade verdadeira.

É o boato, um dos mais assíduos frequentadores de conversas, em toda a parte do mundo, em todo o tipo de pessoas. Cresce como uma bola de neve em diversas situações de tensão ou ansiedade e pode murchar como um balão furado, se por acaso alguém se der ao trabalho de conferir o rumor antes de o contar ao próximo amigo ou colega, o que raramente acontece. Há alguns que sobrevivem anos a fio e tornam-se quase "lendas urbanas".

Há pessoas que necessitam de uma boa coscuvilhice como do pão para a boca e, assim, não se coíbem de ser eles próprios a inventar a historinha que se encarregarão de divulgar ao maior número de pessoas que conseguirem por todos os meios que tiverem ao seu alcance. Quase todos nós, com maior ou menor convicção, já fomos cúmplices, mesmo que inconscientemente da difusão de uma história sem termos a consciência se é verdadeira ou não.

Muitos boatos nascem de um simples mal-entendido, Alguém que tira uma conclusão errada do que vê, escuta ou lê, confunde um gesto ou uma frase e pronto...faz nascer uma "inverdade" que, levada às últimas consequências, pode envenenar a reputação de pessoas inocentes.

No entanto, o "boateiro" não é uma pessoa muito diferente das demais. É apenas, na maior parte das vezes, uma pessoa sem vida própria, sem ninguém a quem amar ou que a ame e cuja única alegria é denegrir a imagem deste ou daquele a seu bel-prazer.

publicado por daplanicie às 20:08

link do post | comentar | favorito
|
9 comentários:
De Em Fá Sustenido a 8 de Abril de 2008 às 22:19
Quantas vezes já " boatei " e fui boato .. Já perdi conta , às vezes por maldade , por ser simplesmente uma brincadeira ou mesmo porque achei necessário que soubessem .. Ou que falaram mal de mim , inventaram coisas e denegriram a minha imagem perante a minha família que ainda considero pior , mas passei por cima e hoje sim , não vejo sentido em tal coisa .. Sou superior a isso e portanto , abstraio-me . :)

Beijinho *
De daplanicie a 9 de Abril de 2008 às 17:20
Quase todos nós já fomos alvo de algum boato na sua maioria inofensivos. O pior é quando são intencionalmente malévolos...
Beijinhos
De Júlia a 9 de Abril de 2008 às 11:59
Pois é, o "ouvi dizer" é uma maneira muito comum de espalhar um boato e que nos deve precaver para estas "novidades".
Mas, tão perniciosos como os boatos são as convicções das pessoas, assentes em mal-entendidos, que causam muitas situações desagradáveis.
Bj
De daplanicie a 9 de Abril de 2008 às 17:21
Infelizmente essa situação acontece com muito mais frequência em meios pequenos onde toda a gente se conhece.
Beijinho
De Just Moments a 9 de Abril de 2008 às 12:37
como costumo dizer: se fôssemos a acreditar em tudo, o mundo estava de pernas para o ar!Detesto essas pessoas.., são pessoas que não tem vida própria e divertem-se então-se a tentar estragar a dos outros..

Fora com essas pessoas..não produzem..e só estragam o trabalho e a vida dos outros..enfim..mas eu recuso-me a ser vitima disso..

mas infelizmente ha muitas assim, sem duvida!

Beijinhos e bem observado
De daplanicie a 9 de Abril de 2008 às 17:22
Faço minhas as tuas palavras: FORA COM ESSAS PESSOAS!!
Beijinhos
De Migas a 9 de Abril de 2008 às 13:51
Se voces vivessem na Bimbolândia há muito que estavam imunes a estas situações. O que não faltam são almas poucochinhas, sem história própria, que tentam viver à custa das histórias que inventam sobre os outros. Às vezes já nem é por mal. É porque já não sabem ser de outra forma.
Beijos
De daplanicie a 9 de Abril de 2008 às 17:23
Pode não ser por mal mas é absolutamente detestável!! Não tenho a menor paciência para fuxiquices! :-)
Beijinho
De Pérola a 9 de Abril de 2008 às 18:07
Concordo com tudo o que disse, principalmente com o seu último parágrafo! E falo por experiência própria, eu que já fui algumas vezes vítimas de boatos vindos de pessoas que não têm nada que fazer do que andar a meterem-se em vidas alheias!
Fora com elas! Chô! Chô!
lol
Beijinhos

Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Janeiro 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Emocionalmente Saudável

. Ano Novo, Vida Velha

. Esperar

. Aos meus amigos

. O valioso tempo dos madur...

. Filhos

. Sinto-me...

. Hoje

. Tirar o "S" da CRISE

. Chuva...chuva...chuva

.arquivos

. Janeiro 2014

. Julho 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

.tags

. todas as tags

.links

.on-line

website stats

.Contador

blogs SAPO

.subscrever feeds