Sexta-feira, 20 de Junho de 2008

Queridos alunos

Mais um ano lectivo que hoje termina para mim. Não, não estou já de férias. É apenas o último dia em que vou estar com os meus alunos. Um grupo deles continuará comigo, pelo menos mais um ano. Mas os outros, os outros são passarinhos que saem do ninho e que vão voar para outras paragens.

Trabalhei dois anos com eles. Durante este tempo ri, ralhei, aconselhei, ensinei e também aprendi muito e chegou agora a hora de lhes dizer adeus e desejar "BOA SORTE". Fica sempre um aperto no peito, embora saiba que não vão para longe e que de vez em quando me irão visitar. É quase como se fossem filhos que saem de casa, cresceram e têm agora que seguir o seu caminho.

Dizia-me ontem uma aluna "A professora vai chorar no último dia, não vai? Chora sempre...". E eu fiquei a olhar para ela, que estava toda sorridente, e a pensar como ela me conhece bem. Tão bem como eu a conheço a ela. Como os conheço a todos eles. Sei tão bem o que os faz rir, os que os faz ficar sérios... O que cada um gosta e detesta.

Durante estes dois anos passei tanto tempo com eles...quase tanto como os próprios pais, que são quase como filhos para mim. E aprendi tanto com eles que é impossível deixá-los ir sem lhes dizer "Obrigada por tudo! Nunca vos esquecerei!"

publicado por daplanicie às 09:48

link do post | comentar | favorito
|
17 comentários:
De flor_incognita a 20 de Junho de 2008 às 10:19
Apesar de não ser professora e não ter tido essa experiência consigo perceber o que está a sentir...
mas enfim , mais um ano lectivo virá e outros passarinhos irão ter ao seu ninho!
Beijo e bom fim de semana!
De daplanicie a 22 de Junho de 2008 às 11:42
Sim, é um ciclo que se repete ano após ano. No próximo ano continuarei com os meus alunos que transitaram ao 4º ano mas recebo um bando de passarinhos que entram de novo para a escola. :-)
Beijinhos e obrigada pelo comentário
De Tretoso_Mor a 20 de Junho de 2008 às 12:02
Olá,

Não sou professor, mas já ensinei, e a minha mãe leccionava.

Reconheço o sentimento inicial de um professor, quando os miúdos saem da escola, ao verem que estão ali embriões de adultos, que os professores ajudaram a “fecundar” para a “vida”.
Reconheço também o sentimento final, quando já homens ou mulheres se vos dirigem e vos transmitem o sucesso na carreira escolar e/ou profissional.

Contudo, os resultados de todo este trabalho, acabam por se conseguir atingir mais facilmente e com maior sucesso, quando existe uma participação activa dos pais na educação dos filhos.
Os professores não podem garantir o processo sozinhos.
Os pais têm um papel preponderante.

Os professores garantem a formação escolar.
Os pais garantem a educação.

Claro que do lado dos professores também há intervenção no processo educativo, e de que maneira, a avaliar pelos acontecimentos ultimamente noticiados.
Mas os pais, não se podem alhear da sua função de base, a educação, nem das funções acessórias, o acompanhamento do desempenho escolar.

Este meu comentário pretendia passar a mensagem a todos os pais que lerem o post, para que ajudem os filhos a conseguir o sucesso que deles esperam.
Essa será certamente a melhor forma de ajudarem os professores a cumprir a sua função.

Tretoso Mor
De daplanicie a 22 de Junho de 2008 às 11:46
Sem dúvida nenhuma, está certíssimo em tudo o que afirmou! Sozinhos não conseguimos nada, é essencial um apoio familiar e uma educação participada e esmerada no sentido de lhes incutirem os valores principais para poderem vir a ser adultos responsáveis e de sucesso. Infelizmente, mais vezes do que desejaríamos, não é isso que se passa. Chegam-nos crianças de 6 anos sem a menor noção do que é correcto ou não, sem respeito pelos colegas e pelos adultos que os rodeiam. Enfim, nesses casos é muito mais difícil ser um bom professor...
Cumprimentos e muito obrigada pelas suas sábias palavras
De Flá a 20 de Junho de 2008 às 12:47
Já a acompanho há pelo menos um ano, e sempre a vi falar com tanto carinho das crianças em geral, dos seus alunos e filhotes em especial, é adoravel lê-la sempre que o faz.

É professora de primeiro ciclo não é?

Não tenho boas recordações da minha última professora primária que me acompanhou nos últimos dois anos de primária...honestamente falo mal dela sempre que posso

nunca a esquecerei ,é certo, mas pelas piores razões...a minha mãe ainda se cruza com ela e quando lhe disse que eu tinha entrado para a faculdade a senhora, felizmente, já reformada, quase ficou escandalizada, enfim momentos tristes.

O meu irmãozinho pequenininho vai em Setembro dar o seu passo para a escola, espero sinceramente que tenha uma professora em tudo semelhante a si, e não há Sr. Professora que tive.

Acho-o tão pequenino, tão pouco preparado, tão a querer brincar a tempo inteiro.
que me aconselha para a sua preparação para a primária? Deixá-lo brincar a tempo inteiro durante o Verão ou metê-lo a trabalhar de vez em quando , para o mentalizar que já está crescidinho e que já tem funções a cumprir como os outros em casa?


E parabéns por deixar que os seus alunos a conheçam bem, creio que foi com dedicação e carinho que deixou que a conhecessem dessa forma, e quando assim é as crianças também nos dão o seu mundinho .

beijo bom fim-de-semana
De daplanicie a 22 de Junho de 2008 às 11:52
O teu comentário comoveu-me e inspirou-me a escrever um novo post sobre o assunto. Quanto ao teu maninho, é importante que ele vá criando alguns hábitos de trabalho, aprender a estar sentado algum tempo enquanto executa alguma tarefa mesmo que seja mais lúdica. A maior dificuldade que sentimos quando recebemos 1º ano (e no próximo ano lectivo será o meu caso) é que se torna muito cansativo pois para além de ser um ano fundamental de aprendizagem da leitura e escrita e da compreensão dos números, as crianças não trazem da pré-escola os hábitos de trabalho que são imprescindíveis para a evolução de um bom trabalho de aprendizagem dessas competências. Passamos metade do tempo a tentar que estejam atentos e sentados. :-)
Mas vais ver que vai tudo correr pelo melhor. Com uma mana interessada como tu é meio caminho andado.
Beijinho grande e obrigada pelas tuas palavras tão queridas
De guiga a 20 de Junho de 2008 às 15:05
É isso que torna a vossa profissão tão especial. Pena que nem todos a respeitem!
Bom fim-de-semana! *.*
De daplanicie a 22 de Junho de 2008 às 11:57
É verdade e piora bastante quando as pessoas que não a respeitam são pais de alunos. Às vezes acontece...
Beijinhos e votos de uma óptima semana
De realidade de um sonho a 20 de Junho de 2008 às 17:42
Muito francamente ... até eu chorei a lêr este post!
Pois eu recordo a minha professora primária, 4 anos, como uma bruxinha... aqui era assim: quem mais desse á professora mais importancia tinha!
Só que apesar de ser uma criança remediada sem grandes problemas financeiros a minha mãe, não andava sempre na escola... logo levei por 3 vezes pancada sem ser necessário e nunca abri a boca!
Da primeira vez dois valentes estalos na 2.ª classe porque escrevi bisboa.... pois mas só soube quando cheguei a casa! Nem as minhas colegas me puderam ajudar! das outras vezes o meu nome foi sempre trocado, sandra por sónia... as minhas colegas viam a troca mas abriam a boca e eu ficava na duvida, quando esclarecia já era tarde.... sete reguadas de uma vez e 4 doutra! Pois~não me fez mal... mas foram 4 anos a vomitar e odiar a escola! Eu era um anjinho.... não falava, não brincava... enfim...vomitava era cinco vezes por semana... para além de anjo era uma triste! Mas gostava de poder recordar a minha professora como com toda a certeza esses alunos a recordam... Foram outros tempo ... Para o ano á mais! Agora é melhor descansar muito durante as férias.... recarregar baterias... beijinho grande e optimo fim de semana
De daplanicie a 22 de Junho de 2008 às 12:10
Minha querida amiga, o teu comentário bem como o da Princesa, motivaram um novo post sobre esse assunto que considero importantíssimo. Muito obrigada por partilhares esses sentimentos comigo.
Beijinho e boa semana de trabalho
De blogando-me1 a 20 de Junho de 2008 às 21:05
" Quando alguém lhe magoar o coração, retribua com carinho mesmo assim, pois um dia o mesmo entendera a dor que você sentiu."
Desejos de um bom fim d semana.
Bjs fofos
De daplanicie a 22 de Junho de 2008 às 12:12
Muito obrigada pelas tuas palavras.
Boa semana para ti. Beijinho
De Just Moments a 21 de Junho de 2008 às 20:42
poucas professoras sao assim dedicadas..

e tenho a certeza que todas tem sorte em ter assim uma professora e que não se esquecerão de ti, e Tu delas..
Mas outras virão e a vida é assim mesmo..

beijinhos amiga...e sê sempre assim

Image

Glitter Weekend Graphics


De daplanicie a 22 de Junho de 2008 às 12:15
Acho que a maioria dos professores são assim como eu, amiga, embora tenha ficado toda vaidosa com as tuas palavras
Beijinhos e obrigada pelo teu comentário e presentinho
De Pat a 22 de Junho de 2008 às 19:28
És a melhor!
De daplanicie a 24 de Junho de 2008 às 10:58
Quem me dera! Isso são os teus olhos de filha querida que me vêem assim.
De Mara a 26 de Outubro de 2008 às 06:21
Olá,hoje ao passar pelo seu blogue li e reli,e não posso deixar de dizer obrigado! por ser a professora que é.Pois sinto o que fala,sou mãe de um menino já homen e formado em direito e bem sucedido, de uma menina a terminar o 12º
e fico ilogiada quando vou com eles ao ipermercado em que muitas vezes encontramos alguns dos seus professores é com muiota alegria em que fico em ver que são recordados com alegria vê-se nos olhos e na alegria que repartem quando aluno e profesroas se voltam a encontrar.Como mãe fico realizada...E é estes professores que certamente não têem medo de ser avaliados quem faz o seu trabalho com gosto e dedicação ,não têem medo de ser avaliado.
fica um beijito com admiração por tudo o que escreveu no seu blogue.
Mara

Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Janeiro 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Emocionalmente Saudável

. Ano Novo, Vida Velha

. Esperar

. Aos meus amigos

. O valioso tempo dos madur...

. Filhos

. Sinto-me...

. Hoje

. Tirar o "S" da CRISE

. Chuva...chuva...chuva

.arquivos

. Janeiro 2014

. Julho 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

.tags

. todas as tags

.links

.on-line

website stats

.Contador

blogs SAPO

.subscrever feeds